Observação importante

O objetivo do Blog não é acusar ou perseguir compositores, tampouco os intérpretes das músicas aqui analisadas. O objetivo é avaliar que tipo de afirmações estão sendo proferidas em nossos púlpitos e lares cristãos, seguindo a linha de raciocínio dos crentes bereanos (Atos 17:11) e os conselhos de Paulo (1 Ts 5.21; Hb 13.9) e João (1 João 4.1). Todas as análises são de responsabilidade de seus autores e críticas são bem vindas, desde que não venham acompanhadas de ofensas, mas de paz. Se desejar, leia aqui um artigo sobre algumas considerações sobre música e culto.

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Música: Corpo de Cristo (Diante do Trono)


Letra:

Corpo de Cristo
Mãos do Redentor
Corpo de Cristo
Onde estão
As marcas dos cravos?
Onde estão
Os pés que pisaram esse chão?
Deixando a glória

Corpo de Cristo
Olhos de perdão
Corpo de Cristo
Onde estão
Os braços estendidos?
Onde estão
Os corações movidos por compaixão?
Assim como Ele foi

Eu quero ver a tua fé em obras
Me mostre, por favor
Onde estão os frutos e eu os comerei
Quero ver o teu amor tão cantado
Teu discurso encantador sendo encarnado
Cristo em vós


Análise:

Gostaria de iniciar a análise desta letra deixando minha impressão: “É de coisas assim que a Igreja precisa!”.

Trata-se de uma exortação em forma de música que vai na contramão do que vemos em abundância por ai. No lugar de fazer promessas vazias e de determinar vitórias pessoais, esta canção nos diz:

“Quero ver o teu amor tão cantado
Teu discurso encantador sendo encarnado
Cristo em vós”
A letra, em primeira pessoa, não deixa claro o sujeito (se o próprio Cristo ou um servo seu), mas mantém cristalina a intenção: levar a igreja a trazer para a realidade o seu discurso de amor e de fé, em práticas que demonstram o que pregamos.

Somente este contexto seria suficiente para colocar esta música na galeria das preciosidades modernas, uma galeria pequena mas de excelência, mas eu gostaria de citar mais algumas frases importantes para nossa vida com Cristo.

"Onde estão
as marcas dos cravos?”
Esta frase traz à memoria o exemplo de Paulo ao dizer que “ninguém me moleste; porque eu trago no meu corpo as marcas de Jesus” (Gl 6:17), mostrando a importancia de sermos mais parecidos com Cristo, mesmo no sofrimento, e mais dados à servidão do que ao sucesso pessoal.
“Onde estão
Os braços estendidos?
Onde estão
Os corações movidos por compaixão?
Assim como Ele foi”
Na segunda estrofe encontramos uma exortação quando à nossa falta de amor ao próximo, à nossa falta empenho para ajudar aos necessitados em favor (digo eu) do crescimento de nossas instituições, alvo principal de nossos investimentos. Não foi assim com Cristo, antes Ele dedicou sua vida aos pobres e enfermos.
“Os cegos vêem, e os coxos andam; os leprosos são purificados, e os surdos ouvem; os mortos são ressuscitados, e aos pobres é anunciado o evangelho”. (Mt 11:5)

“Disse-lhe Jesus: Se queres ser perfeito, vai, vende tudo o que tens e dá-o aos pobres, e terás um tesouro no céu; e vem, segue-me”. (Mt 19:21)
Encerro por aqui, pois entendo que a letra fala por si só.

Sem dúvidas uma bela e supreendente canção.

11 comentários:

Norman disse...

Concordo com você Irmão,letra maravilhosa,mas acredito que uma pessoa que não tem o conhecimento cristão não vai entender nada,ou seja,não vai saber interpretar a letra.A minha preferência ainda é "Adoração e Músicas de Apelo".Vou te dar o ex do que não se deve cantar:
veja um trecho da música
"Motivos Pra Sorrir Nani Azevedo"
Deus me deu motivos pra sorrir (x2)
Eu estava na fila de Deus
Mas a fila de Deus
Sempre anda
Chegou a minha vez
Tenho motivos pra sorrir

Onde está escrito que existe fila de Deus,eu até entendo isso mas não concordo.Essa é a minha análise.Deus te Abençõe

Ruy Cavalcante disse...

Concordo com vc irmão... o mesmo vale para músicas que trazem epressões em hebraico.. impossível um leigo saber o que se diz...

Entretanto, decidi fazer análises biblicas não somente de músicas litúrgicas, pois se fosse o caso, poucas eu poderia aprovar..

Existe de fato esse grave problema que vc citou e precisamos combatê-los principalmente dentro de nossas igrejas, nos cultos...

Anônimo disse...

Oi bom gostaria de deixar uma passagem a você, já que percebi que gosta muito de "analisar" as músicas evangelicas.

"Ou como podes dizer a teu irmão: Deixa-me, irmão, tirar de teu olho o argueiro, quando tu não vês a trave no teu olho? Hipócrita, tira primeiro a trave do teu olho e depois enxergarás para tirar o argueiro do olho de teu irmão." (Lucas 6:41-42)
Bom espero que reflitas nessa palavra.
Fique em paz...

Anônimo disse...

Irmão quem és tu para julgar o próximo, ou ficar analizando as letras das músicas feitas por pessoas que querem levar mas de Deus para as pessoas que estão perdidas ou por ai se divertindo com os prazeres do mundo, podes tu julgar as letras? és tu perfeito diante de Deus?

"Não queirais julgar, para que não sejais julgados, pois com o juízo com que julgardes, sereis julgados, e, com a medida com que medirdes, vos medirão também a vós." (Mateus, 7:1-2)

Deus falou-me isto quando vi teu blog.

Ruy Cavalcante disse...

Resposta aos dois anonimos:

1º - Não me lembro de ter julgado ninguém aqui, embora a bíblia permita isso. Claro, vcs nunca a leram para saber disso;

2º - Nenhum dos dois textos utilizados (Lucas 6:41-42 e Mateus, 7:1-2 proibem julgar, antes eles proibem o julgamento hipócrita, aquele onde eu julgo alguém por algo que eu mesmo pratico;

3º - Vcs fizeram este julgamento hipócrita ao me condenar por estar, segundo vcs, julgando alguem, uma vez que julgaram a mim;

4º - Eu posso fazer este tipo de julgamento, pois esta trave já saiu dos meus olhos há muitos anos e eu só canto músicas que baseiam-se na palavra de Deus ou que não a invalidem;

5º - Eu adoraria que o que os textos afirmem seja aplicado a mim, que eu seja julgado com a mesma medida, pois a medida que eu julgo é a da genuina palavra de Deus;

6º - Quanto á afirmação "Deus falou-me isto quando vi teu blog" posso dizer que até mesmo os "profetas" conhecidos andam sem credibilidade por aqui, por suas profetadas apocrifas, quanto mais um "profeta" anonimo. O Deus da bíblia não falaria isto, pois ele mesmo ensinou o contrário. Se dúvida, leia o cabeçalho do blog e seus links.

7º - Um pouco de leitura bíblica não faz mal a ninguém.

Ruy Cavalcante disse...

Isso pq esta música foi aprovada, imagina se fosse reprovada.

Paz, e que Deus nos leve a comhecer sua palavra, deixando a imitação para os papagaios.

Anônimo disse...

Fivo impressionada como crente tem a terrível mania de não pensar no que canta.

Ruy Cavalcante disse...

Caro Anônimo, paz

A mania é terrível, mas não é sé em relação a canções. Eles não pensam em nada e seguem qualquer vento de doutrina, desde que fale de prosperidade e unção.

Anônimo disse...

Que ridículo certos comentários daqui... A primeira pessoa que vejo que aprovou essa música!!!
Gostaria que você analisasse "Espírito de Vida" deste mesmo CD, se possível.
Deus abençõe você e seu blog, e que continue com essa sabedoria para analisar as letras.

Dirlene disse...

Querido irmão Ruy,glorifico a Deus pela a sua vida!!!Com relação as músicas que aqui são comentadas,acho que não devemos ser alienados!
Por Exemplo o DT mesmo eu amo muito as canções,suas ministrações.Mas devemos ser verdadeiros.Achei nota dez os comentarios das canções.
Queria ver se tem como você postar a musica do Fernandinho que fala.."Eu serei pai de multidões e tocarei em muitas gerações..."no último sabado eu na minha igreja do nada comecei a reparar na letra e a acho de uma certa forma soberba cristã(kkk) TEM MUITO EU.

Coruja disse...

Eu fico triste em ver como pessoas que se acham espirituais,tenham tanta agressividade,Pode ter certeza,elas estão preocupadas que sua análise revele erros doutrinários dos seus "ídolos".Eles não suportam críticas.

Postar um comentário

Compartilhe sua visão desta música para que todos possam crescer em conhecimento da verdade.

Related Posts with Thumbnails