Observação importante

O objetivo do Blog não é acusar ou perseguir compositores, tampouco os intérpretes das músicas aqui analisadas. O objetivo é avaliar que tipo de afirmações estão sendo proferidas em nossos púlpitos e lares cristãos, seguindo a linha de raciocínio dos crentes bereanos (Atos 17:11) e os conselhos de Paulo (1 Ts 5.21; Hb 13.9) e João (1 João 4.1). Todas as análises são de responsabilidade de seus autores e críticas são bem vindas, desde que não venham acompanhadas de ofensas, mas de paz. Se desejar, leia aqui um artigo sobre algumas considerações sobre música e culto.

quarta-feira, 12 de maio de 2010

Música: Eu vou viver uma virada (Toque no altar)

Letra:

Onde era tristeza se verá
A dupla honra me ornar
Com boas novas proclamar-lhe
Uma nova história celebrar
É chegada a minha hora
Meu silêncio já acabou
Ouça o som da minha grande festa

Eu vou Viver uma virada
Em minha vida, eu creio
Eu vou viver uma virada

O que eu achava estar perdido
E tinha desistido de sonhar
Meu Deus já decretou este é o meu dia
Minha virada festejar


Análise:

O antropocentrismo que tem contaminado nossas congregações está claramente prensente nesta composição. Aqui o ser humano está de fato no “centro das atenções”. Poucas vezes uma música escrita em primeira pessoa consegue fugir desta armadilha.

Tudo aqui se refere a conquistas e vitórias pessoais e em nenhum momento Deus é exaltado, adorado. Choca-me o fato de ser uma música bastante tocada nos periodos de louvor e adoração dos cultos, uma vez que neste momento devemos nos colocar em posição de escravos, servos e filhos que reconhecem que não são e não podem nada diante de um Deus soberano.

Claro que o entendimento correto a respeito de adoração não é que ela acontece quando entoamos uma canção, e sim quando nosso coração está de fato submisso a Deus e entregue ao seu grande amor, porém mesmo nossas expressões de louvor (como é o caso das canções) devem ser condicionadas a estes princípios, o que não acontece neste caso.

O versículo que mais se encaixa quando o assunto é antropocentrismo é o seguinte:

“Então disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz, e siga-me.” (Mateus 16:24)
Sinceramente, não é negar a si mesmo que esta música nos ensina e portanto não me alongarei na análise da mesma.

30 comentários:

anhanguera disse...

Meu Deus já decretou este é o meu dia
Minha virada festejar.
Acredito sim na letra dessa música, pois depois de toda a tribulação na vida de Jó, Deus lhe trouxe uma virada em sua vida e ele pode festejar, pois Deus é fiel e nos assiste em todas as nossas lutas e fraquezas e é Ele que decreta a vitória.
E quantas vezes estamos a ponto de desistir de tudo e Deus nos trás vida nova renovo espiritual e uma virada em nossa, transforma tristeza em Alegria, lutas em Vitórias e todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam ao Senhor e todas as coisas são para sua glória inclusive uma virada de VIDA.

Ruy Cavalcante disse...

A questão central aqui não é a virada em si, mas a forma como ela se dá... Paulo e os apóstolos não viveram nenhuma virada, foram presos, açoitados, perseguidos e mortos.

Não tenho tanta certeza se sou mais especial do que eles...

Anônimo disse...

A paz ...
Nesta analise entende-se que não devemos festajar mudanças e nos gloriar em DEUS.

Se Deus levantou o profeta Isaías para proclamar:

"...O espírito do Senhor DEUS está sobre mim; porque o SENHOR me ungiu, para pregar boas novas aos mansos; enviou-me a restaurar os contritos de coração, a proclamar liberdade aos cativos, e a abertura de prisão aos presos..."

Vendo a decadência do Povo de Deus, ele profetiza em nome do Senhor:
"...Porém vós sereis chamados sacerdotes do SENHOR, e vos chamarão ministros de nosso Deus; comereis a riqueza dos gentios, e na sua glória vos gloriareis.

Em lugar da vossa vergonha tereis dupla honra; e em lugar da afronta exultareis na vossa parte; por isso na sua terra possuirão o dobro, e terão perpétua alegria.

Porque eu, o SENHOR, amo o juízo, odeio o que foi roubado oferecido em holocausto; portanto, firmarei em verdade a sua obra; e farei uma aliança eterna com eles..."

Este louvor é apresentado em campo de "Gerra Espiritual"...Quando o Senhor diz:"-Diga o fraco eu sou Forte..." Pede que nos alimentamos de força e honramos a fé Cristã.

Creio que Deus determina o fim do sofrimento dos seus filhos, sim... até mesmo Paulo e os outros apóstolos tiveram momentos em que se alegraram, não foi só sofrimento como foi frizado em sua tese. PORQUE SENÃO ELE NÃO DIRIA: Que teve abundancia e aprendeu a padecer necessidade.
Acaso abundancia não é momento de Glória, extase, alegria eufórica onde o homem agradece com sua melhor expressão?

Paulo não viveu nenhuma virada? Quem era Paulo?

Ruy Cavalcante disse...

A grande diferença entre a aliança neo testamentária e a antiga é que, enquanto esta se ocupa de coisas temporais, tratando os fatos apenas como sombra dos bens futuros, aquela trata de coisas eternas, a exata expressão do que a antiga aliança simbolizava.

Vc citou trechos de fatos da antiga aliança, reais, porém apenas simbólicas. E elas simbolizam a nossa verdadeira virada, que é habitar com Cristo em seu reino e glória, onde não haverá mais choro. Lá sim estarão consumadas todas as promessas.

Paulo foi decapitado, grande virada essa heim?

Anônimo disse...

Seu ponto de vista teológico é aplausível para um discurso explicativo do que a Biblia relata sobre mundo antigo.

Se a nossa esperança é alcaçar o céu, o que lovar quando se esta prestes a desistir? por conta de coisas vãs entregamos os pontos.
" Não se surprienda todos os profetas que vieram antes de nós morreram... e sabe se lá o que enfrentavam no seu intelecto..."

Acho que o louvor é uma forma "Metafórica" de dizer... Vamos vencer. "...Diga o fraco...?"

Ruy Cavalcante disse...

Concordo com vc... porém o contexto geral da canção demonstra mais do que a esperança na vitória, chegando ao egocentrismo, bem comum hoje em dia, por isso a reprovação.

Prefiro cantar louvores e pregar boas novas, isso tras vitórias genuinas.

Paz

Anônimo disse...

Ruy: Paulo foi decapitado, grande virada essa heim?

Com certeza! A maior de todas! Ele encontrou com Jesus!

Abraço! Amo você

Henrique

Edmilson disse...

Infelizmente, nossas igrejas estão perdendo o foco, deixando de olhar e pregar a mensagem da cruz, tornando-se extremamente materialistas. Não se convida mais o pecador a deixar o pecado, não se fala mais em arrependimento, a tônica hoje é somente vitórias materiais, financeiras, afetivas e o espiritual neca de pitibiriba, deixou de ser importante. SOCORRO, Maranata!!!

Ruy Cavalcante disse...

Verdade irmão Edmilson...

Nós passamos a ser muitas vezes o nosso proprio objeto de adoração.. a enfase está em nós e não em Deus.. nós conquistamos, nos vencemos, nós reinamos...

lalá disse...

Vou fazer um comentario pequeno, minha cabeça ta doendo um pouquinho,rs.
Eu acho o seguinte, nessa musica VIRADA, eu pelo menos não canto pensando em bens materiais, em coisas terrenas. Posso declarar: Eu vou viver uma virada em minha vida, eu creio! E assim está falando do meu estado espiritual. Tabom que o evangelho esta sendo deturpado, os cristaos estao sendo cada vez mais materialistas, so querendo as bençãos e deixando o Deus da benção de lado( as vezes sem perceber.) Mas tambem vai do lovor de cada um, uma pessoa pode declarar q vai viver uma virada no sentido espiritual.. frutos do espirito... buscar santidade... etc etc! hehe
Respeitando as analises dos irmãos de cima,rs

Graça seja com voces!

Ruy Cavalcante disse...

Oi lalázinha (rsrsrs)

O problema é que nem todos tem a visão bem firmada em Cristo que vc tem, especialemnte os novos na fé, que ainda não possuem entendimento suficiente para concentrar tudo em Jesus, e ai que mora o perigo, pois canções assim criam uma consciencia tendenciosa para aqueles que ainda necessitam de leite.

Não é possível analisar uma canção baseado no que as pessoas podem sentir e no que elas podem se concentrar ao ouvi-las e sim no que a letra está afirmando. Eu, assim como vc, também busco concentrar em Cristo todas as coisas, mas infelizmente é essencial zelar pelo evangelho de Cristo, digo infelizmente pq isso era para ser realizado por todos os que se dizem cristãos, dai o zelo seria algo natural e não apenas mais um motivo para polêmicas.

Aelson Junior disse...

A paz do Senhor, irmão Ruy!

Essa música realmente é antropocentrismo puro. É tanto que o "eu" aparece explicito ou implicito umas dez vezes, enquanto "Deus", só uma vez.

Eu gostaria de lhe pedir, irmão, duas coisas:

1º - Sou vice-lider do grupo de louvor de minha igreja (no momento o pastor está na direção para melhorar algumas coisas) e esse hino, e outros muitos, estão sendo cantados na igreja sem nenhum temor. O que mais é notável em minha igreja é a falta de conhecimento bíblico(doutrinário), desde o lider até os membros(é aquela igreja que só pensa no "reteté"), o que dificulta mais ainda a descoberta de alguma heresia. Portanto, minha pergunta é: Qual deve ser minha posição(toco guitarra/violão e cifro as músicas) quando alguém querer cantar uma música desse tipo? Devo tocar ou recusar por causa de seu conteúdo?

2º - Queria, por gentileza, que o irmão fizesse a análise da música "A Vitória da Cruz", do Diante do Trono(não sei se aqui é o lugar para pedir análise das músicas ou por e-mail). Não acho correto essas historinhas que alguns "animadores de auditório" inventaram, e que está explicito na música, sobre a suposta festa no inferno.

Desde já agradeço!

Aelson Júnior.

Anônimo disse...

grandes teologos

Anônimo disse...

vai perder tempo assim com bobagens e por essas e outras mais que não sigo os crentes ..análie de músicas analise suas vidas.

Ruy Cavalcante disse...

Ola irmão Aelson, a paz..

Bom irmão, em relação ao que você perguntou, eu já passei por isso várias vezes. O que eu fiz foi ensinar o sentido verdadeiro da adoração e como ela deve estar em conformidade com a palavra de Deus, lembre-se, é em espirito mas é também em verdade. Consegui, através da palavra demonstrar isso claramente e muitos acabaram percebendo o erro, porém nem todos.

O que aconteceu foi que eu decidi que não mais cantaria cançoes que não adoram a Deus, no culto, mas que, enquanto estivesse fazendo parte do grupo de louvor eu as tocaria por uma questão de sabedoria, pois se eu simplesmente abandonasse o barco eu poderia estar criando um problema e um confusão ainda maior... espero que dessa forma, em algum tempo consiga, juntamente com os outros que já enchergam isso claramente, modificar o pensamento de todos em relação à música, com a ajuda de Deus e em oração.

Quanto ao pedido de analise, todo lugar é válido para pedir isso, prometo que farei a analise em breve..

Espero ter ajudado..

Deus te abençoe

Ruy Cavalcante disse...

Caro anônimo,

Se você não segue crentes então está num caminho proveitoso, eu também não sigo. Espero que siga Jesus, assim estará também num caminho de vida eterna.

Deus abençoe.

Anônimo disse...

A Teologia te fez mal

Anônimo disse...

Só aceita o que te agrada né

Anônimo disse...

Com todo respeito irmãos amados, eu entendo que o mais difícil é compor a música. Criticar é fácil. Devo apenas colocar meu ponto de vista sobre as coisas. Já dizia certo escritor: "existem coisas que só olhos que choram conseguem ver". Então exorto-vos para que respeitem a música. Se estivesse adorando o inimigo de nossas almas, penso que talvez não existiram críticas como aqui foram colocadas.

Ruy Cavalcante disse...

Respeitar a música? Ela ficou magoada comigo? Se ficou, peça perdão por mim quando a ver por ai, ok?

Tsc, tsc.

K.V disse...

Ultimamente o "conhecimento" tem provocado um certo desentendimento entre Irmãos.."Reprovado" ou "Aprovado"? Falta de sabedoria? Separação de louvores? Já pensaram no que Deus vê nisso tudo? Não sejam Céticos!

K.V disse...

Ultimamente o "conhecimento" tem provocado um certo desentendimento entre Irmãos.."Reprovado" ou "Aprovado"? Falta de sabedoria? Separação de louvores? Já pensaram no que Deus vê nisso tudo? Não sejam Céticos!

K.V disse...

Alias Irmão.. Ruy Cavalcante.. Só te peço para analisar a Musica "Depois da Guerra" da Banda Oficina g3 e diga o que acha... Se possível for.. Agradeço..

Anônimo disse...

Eu vivo uma virada todos os dias, festejo todos os dias, morri para o mundo e nasci em Cristo,e todos os dias preciso de mudanças.... antes tristeza hoje alegria. eu não acredito que uma pessoa por mais leiga que seja não tenha consciencia de que toda festa e honraria seja para Deus, o que nós homens, podemos fazer sem ele.......

Cris Teles disse...

QUE PERDA DE TEMPO DE VCS NÃO?!! AS PESSOAS ESTÃO MORRENDO E INDO PARA O INFERNO E VCS AQUI PERDENDO TEMPO EM ANALISE DE MUSICA.AFF ATE EU ESTOU PERDENDO MEU TEMPO DEIXANDO ESCRITO ISSO.. FALA SERIOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

Cris Teles disse...

QUE PERDA DE TEMPO DE VCS NÃO?!! AS PESSOAS ESTÃO MORRENDO E INDO PARA O INFERNO E VCS AQUI PERDENDO TEMPO EM ANALISE DE MUSICA.AFF ATE EU ESTOU PERDENDO MEU TEMPO DEIXANDO ESCRITO ISSO.. FALA SERIOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

Anônimo disse...

vai pregar o evangelho e parar de reprovar...

Anônimo disse...

Creio que esse imbróglio todo se chama Hedonismo!! Nós passamos a ser os "Reizinhos" soberbos, arrogantes e pior, extremamente milindradinhos (não podemos nuncaaa ouvir um não!). Cristo virou nosso mero "empregado"!! Tuudo está girando em torno de nós mesmos!! É o Evangelho do Eu faço, aconteço e arrebento que se reflete nessas letras sem pé e nem cabeça!! Uma pobreza só!! Irmão Ruy está sempre com olhar de Lince!! Impecável!! Oro pelo o irmão!! Glória a Deus!! Amém!!

Waldirene Gomes disse...

Que virada.�� vcs buscam? Se de qualquer lado temos que tomar a cruz para segui lo

Waldirene Gomes disse...

Correm atras de uma virada irmaos!! Mas virada.do vinde ,para o ide por todo o mundo e pregai o evangelho.😆

Postar um comentário

Compartilhe sua visão desta música para que todos possam crescer em conhecimento da verdade.

Related Posts with Thumbnails